Andre Balaio e Roberto Beltrão
26 de agosto de 2017
Elizabeth Brandt
24 de agosto de 2017

Formado pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco, em 1969, e bacharel em Jornalismo e Ciência Sociais pela Universidade Católica de Pernambuco, em 1968, foi radialista e produtor na TV Universitária durante 13 anos. Nivaldo Mulatinho, também, colaborou em atendimento ao programa institucional do TJPE na elaboração do Código de Ética do órgão. Possui diversas sentenças publicadas em Revistas especializadas e artigos ligados aos temas de Literatura, Ciência Criminal e Filosofia de Direito. O magistrado já teve seu nome destacado, em 2006, no artigo “Juízos em Preto e Branco”, publicado na Folha de São Paulo. O autor do texto, Roberto Romano, Professor Titular de Ética e Filosofia da Universidade de Campinas (SP), destacou a sentença de um processo julgado pelo Desembargador em 2000. No Poder Judiciário estadual é membro da 3ª Câmara Criminal.

Na programação da FLIPA, o desembargador participará, junto com Thiago Correa, no lançamento do livro “Memórias” sobre Gilvan Lemos.

Participação no espaço CEPE: quarta-feira (13/09) às 19h-20h