Ana Carolina
28 de agosto de 2017
Nivaldo Mulatinho
26 de agosto de 2017

Seres estranhos como o Lobisomem, a Cumade Fulôzinha, o Papa-figo e a Perna Cabeluda também vai estar na Feira Literária de Paulista. E essas criaturas serão trazidas pelo projeto O Recife Assombrado, que desde o ano de 2000 toca o horror divulgando o imaginário pernambucano e fomentando a literatura fantástica. Os editores do site orecifeassombrado.com, ANDRÉ BALAIO e ROBERTO BELTRÃO participarão de encontros com o público durante o evento. No Domingo, Beltrão, que é jornalista e escritor, faz uma palestra sobre o imaginário popular e literatura fantástica. Já Balaio, que é escritor e roteirista de histórias em quadrinhos,  fala no sábado sobre a história das HQs de horror. E no estande d’O Recife Assombrado o visitante da feira poderá adquirir todas publicações já produzidas pelo projeto. Veja algumas delas:

MALASSOMBRO (R$ 20)  a primeira publicação independente d’ O Recife Assombrado nem quadrinhos  traz duas narrativas de terror que poderiam ter sido contadas nos alpendres das fazendas ou em conversas de amigos em acampamentos. As histórias falam da Cumade Fulôzinha que defende a
mata contra exploradores imobiliários, e do Diabo que aparece para dançar num forró animado com músicas de Luiz Gonzaga. Roteiro de André Balaio e ilustrações de Téo Pinheiro.

ALGUMAS ASSOMBRAÇÕES DO RECIFE VELHO (Global Editora, 72 páginas, R$ 49): Adaptação em quadrinhos de sete contos do livro Assombrações do Recife Velho para serem adaptados para os quadrinhos. A HQ traz as seguintes histórias:  “O Boca-de-Ouro”, “Um Lobisomem Doutor”, “O Papa-Figo”, “Um Barão Perseguido pelo Diabo”, “O Visconde Encantado”, “Visita de Amigo Moribundo” e “O Sobrado da Rua de São José”.  Adaptação de André Balaio e Roberto Beltrão, com
ilustrações de Téo Pinheiro.

SETE ASSOMBRAÇÕES EM RETRATOS FALADOS (Edições Bagaço, R$ 30) Em 35 páginas, o escritor Roberto Beltrão e o artista plástico Fábio Rafael tratam fantasmas e monstros como casos de polícia. Sete relatos ficcionais “baseados em histórias reais” são ilustrados com retratos falados dos “meliantes” e vêm seguidos de “inquéritos” que descrevem os terríveis comportamentos de personagens com o Lobisomem,  a Galega de Santo Amaro e o Nêgo d’Água. Textos de Roberto Beltrão e ilustrações de Fábio Rafael.

HISTÓRIAS MEDONHAS DO RECIFE ASSOMBRADO (Edições Bagaço, R$ 34) São 126 páginas repletas de mistério e pavor. Na coletânea estão 33 textos: 20 depoimentos enviados por leitores e 13 contos já publicados em nosso site. As “Histórias Medonhas” de falam aparições fantasmagóricas em velhas casas, de personagens tradicionais do folclore nordestino o Papa-figo, e ainda de lendas urbanas como a Mulher do Algodão. O livro está na terceira edição. A primeira foi lançada em 2002. Organizado por Roberto Beltrão, com ilustrações de Tatiana Moes.

NA ESCURIDÃO DAS BRENHAS (Edições Bagaço, R$ 34) Sete contos sinistros produzidos por Roberto Beltrão. O leitor segue caminhos ermos e estradas sombrias que levam a fazendas e sítios habitados por fantasmas. Também visita cidades onde, nas ruas, é possível se confrontar com um espectro feminino sedutor ou um lobisomem. Ainda testemunha o ataque de uma cobra gigante saída de um açude e vê misteriosas bolas de fogo azulado no céu noturno. A geografia misteriosa e os seres fantásticos de um Pernambuco cheio de estranhamento estão nos sete contos deste livro.

Link para encontrar as imagens dos livros:
http://www.orecifeassombrado.com/loja/

André Balaio – Histórias em quadrinhos de horror: um novo espaço para 
lendas brasileiras
Café Literário – sábado (16/09) às 14h-15h

Roberto Beltrão – Imaginário popular e literatura fantástica
Café Literário – domingo (17/09) às 15h-16h